Rut Castronuovo apresenta, em Coimbra, a 7 de Fevereiro, no Teatrão, o espectáculo “Blanco y Negro” que combina Pantomimas clássicas com a poesia de Federico García Lorca.

Este é um espectáculo “insólito e silencioso”, encenado por Julio Castronuovo e produzido pela companhia La Mondiale, que na primeira parte apresenta representações emblemáticas da pantomima clássica. “A luta contra o vento” e “O caçador de borboletas” são exemplos  disso, e há ainda lugar para homenagens, como “David e Golias”, tributo a Charlie Chaplin e Marcel Marceau.

A segunda parte do espetáculo apresenta  o “Llanto por Ignacio Sánchez Mejías”, célebre poema que Lorca escreveu sobre a morte de Ignacio, seu amigo e toureiro. “La cogida y la muerte”, “La sangre derramada”, “Cuerpo presente” e “Alma ausente” são os momentos poéticos que Rut Castronuovo interpretará.

Insólito, porque diferente do comum, este é um espetáculo em que a poesia é declamada com o corpo, sem palavras, num cruzamento da pantomima com a dança e a dramatização, parte do exercício de contar histórias sem falar, pressuposto básico da interpretação mímica.

Licenciada em “Arte Dramático” pela “Real Escuela Superior de Arte Dramático” de Madrid, Rut Castronuovo complementou a sua formação estudando em Itália, Índia e França e como actriz, reuniu grande experiência trabalhando em diversas obras de teatro clássico.

Blanco y Negro (Teatro) | Companhia La Mondiale
Sala Grande, a 7 de Fevereiro, sábado às 21:30h.

Bilhete: 10€ (normal) | 5€ (estudante e sénior) | 4€ (grupos com mais de 10 pessoas).

Contactos:
Tel: 239 714 013
Movel: 914 617 383
[email protected] | www.oteatrao.com | facebook.com/oteatrao

Além do espetáculo, e no âmbito do projeto pedagógico d’O Teatrão, Rut Castronuovo dirige o “Curso prático de iniciação à pantomima de estilo clássico”, que aceita inscrições até um máximo de 15 vagas.

Mais informações AQUI.

Pantomimaalt