XI Festival Internacional da Máscara Ibérica (FIMI)
De 5 a 8 de Maio | Rossio, Lisboa, 2016

 

O MAIOR EVENTO DE TURISMO CULTURAL REGRESSA ÀS RUAS DE LISBOA COM A PROGESTUR e a EGEAC

Mostra de produtos regionais, artesanato e animação

Lisboa vai andar de máscara de 5 a 8 de Maio! Venham descobri-la no Rossio!

 

O XI Festival Internacional da Máscara Ibérica (FIMI) regressa às ruas de Lisboa entre 5 e 8 de Maio com um programa dinâmico e variado, que inclui uma mostra de artesanato e produtos regionais, promoção turístico-cultural, concertos, concurso de fotografia e muita animação de rua.

O  Desfile da Máscara Ibérica, este ano decorre no dia 7 de Maio às 16.30h,  quatro dias que reúnem 28 grupos de mascarados, vindos de várias regiões da Península Ibérica, contando com mais de 500 participantes.

O XI Grande Desfile Máscara Ibérica será o momento alto do FIMI, sábado dia 7 de Maio pelas 16h30 com início na Praça do Município e fim no Rossio.

A tradição pagã dos rituais da máscara, raramente vistos fora dos seus contextos de origem, reúne este ano cerca de 30 grupos da Península Ibérica. De Espanha teremos as regiões da

Galiza, León, Zamora, Cáceres, Astúrias, Salamanca e Guadalajara, que se apresenta no FIMI pela primeira vez, a par com os Gigantones e Cabeçudos da Equipa Espiral e os

Caretos de Salsas, também estreantes neste desfile. A acompanhar os já habituais e sempre presentes, mascarados do norte e centro de Portugal, e como grupo não ibérico convidado, estreiam-se os Mamutzones de Samugheo, vindos da Sardenha.

As propostas para um fim-de-semana em grande multiplicam-se. Na Mostra das Regiões (todos os dias a partir das 11 horas no Rossio), poderá descobrir e adquirir algumas das mais tradicionais iguarias – fumeiro, queijo, doces, licores e compotas – e peças artesanais de Portugal e Espanha, espalhados por 30 stands.

 

O Patronato de Turismo de Cáceres traz até à capital o seu artesanato e oferta turística, a que se junta o espólio gastronómico, vinícola, artesanal e turístico da Serra da Estrela, Nordeste da Beira, Beira Interior Sul Região Centro, entre outras. Os Municípios de Miranda do Douro, Macedo de Cavaleiros, Mogadouro, Lamego e Mira, juntam-se neste certame a par da Dolmen.

O Rossio contará ainda com animação de rua, música e danças tradicionais, artesanato ao vivo, provas de produtos, o já tão esperado concurso de fotografia e este ano, pela primeira

vez, tertúlias: com Jorge Lira, sob o tema “Instrumentos musicais” e com a banda de música “Trasga”.

A componente musical continua a ser uma grande aposta da organização e a edição deste ano é prova disso! Concertos de música folk de raiz tradicional europeia com elementos de

fusão entre o ska, reggae e rock nas noites de sexta e sábado e tarde de domingo no Palco Ibérico – Rossio.

A abrir, os TRASGA (Miranda do Douro), Sexta-feira às 21.30h. No Sábado, RAREFOLK (Sevilha), às 21.30h e no Domingo, a fechar o cartaz, FANFARRA KÁUSTIKA (Aveiro) às 17h.

A animação de rua é assegurada pelos Caretos de Podence (Portugal), Los Sidros y la Comedia de Valdesoto (Astúrias), Mamutzones de Samugheo (Sardenha) e Los Boteiros y

Folión de Viana do Bolo (Galiza), para além das dinâmicas constantes em cada espaço.

Este ano a organização lança novamente o concurso de fotografia “Desfile com a Máscara – Lisboa 2015” onde profissionais e amadores poderão participar com fotografias do desfile da  Máscara Ibérica do ano passado.

As 30 fotografias selecionadas estarão em exposição no Teatro Taborda – Parceiro cultural – com destaque para os primeiros lugares e vencedora do público. Estará também patente,

uma exposição de máscaras do Nordeste Transmontano e Lazarim do espólio de Carlos J. Pessoa. Mais informação em www.progestur.net

 

No Museu da Marioneta, teremos máscaras milenares, que andam à solta no inverno transmontano, saem à rua para quebrar a rotina e comemorar a passagem do inverno para

a primavera. Diabrete, chocalheiro ou careto: a tradição da Máscara Ibérica, numa oficina para pais e filhos. No dia 7 de Maio (sábado), pelas 14.30h e marcação prévia.

(www.museumarioneta.pt).

O FIMI é uma iniciativa da PROGESTUR – Associação para o Desenvolvimento do Turismo Cultural – em parceria com a EGEAC – Empresa de Gestão de Equipamentos e Animação Cultural – e Câmara Municipal de Lisboa, que decorre anualmente na Praça do Rossio atraindo visitantes de várias nacionalidades à baixa lisboeta.

A cultura ibérica – património e tradição – a desfilar por Lisboa! De 5 a 8 de Maio a partir das 11h com entrada livre!

 

Para mais informação:

www.fimi.pt , www.egeac.pt e no Facebook oficial do FIMI