A partir de amanhã, dia 19 e até 22 de Novembro, decorre em Alcobaça, no perímetro do Mosteiro, a XVII Mostra Internacional de Doces & Licores Conventuais e que este ano tráz, como novidade, a maior projecção de vídeo mapping alguma vez produzida em Portugal.

Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça, um dos nossos mais emblemáticos monumentos nacionais, eleito Património da Humanidade pela UNESCO, vai estar sob o foco do espectáculo “A Luz do Amor“. Esta produção é da responsabilidade do atelier Ocubo, que já nos habituou a eventos multimédia de grande impacto estético, e que, desta vez, tira partido dos 200m da fachada de pedra do Mosteiro de Alcobaça, transformando-a numa gigantesca tela de projecção. O espectáculo vai, porém, bem mais longe do que uma simples projecção.

Durante três noites, “A Luz do Amor” é o espectáculo multimédia imersivo que irá transformar o Mosteiro de Alcobaça em protagonista da sua própria história, na qual se sucedem surpreendentes episódios de que foi palco no passado. Num cenário inédito e de grande beleza que conjuga luz, côr, som e imagem, o visitante embarca numa viagem ao passado, recuando à Idade Média e ao tempo da construção deste edifício, descobrindo o extraordinário papel dos monges da Ordem de Cister e a importância das suas atividades no desenvolvimento social, cultural e económico da região, que chegaram até aos dias de hoje.

Sobre a XVII Mostra de Doces e Licores Conventuais

Os doces conventuais são exactamente uma das heranças que os monges de Cister legaram a esta cidade. Senhores dos antigos Coutos de Alcobaça, cuja presença se estendeu por mais de oito séculos, deixaram uma tradição gastronómica riquíssima em que o receituário conventual se foi apurando, até se transformar em marca de excelência – a par de muitas outras Ordens Monásticas de Norte a Sul de Portugal.

De 19 a 22 de Novembro, Alcobaça será, sem dúvida, a capital da doçaria conventual, possibilitando que os muitos visitantes apreciem as maiores iguarias não só de Alcobaça mas, também, de outros mosteiros, conventos e pastelarias, nacionais e internacionais.

Se não consegue resistir ao apelo destes “doces pecadilhos”, deixamos-lhe aqui alguns exemplos das iguarias que irá encontrar: as famosas cornucópias, o Pão-de-Ló de Alfeizerão, as trouxas-de-ovos, e este ano, em estreia, destaque para a presença da doçaria da ilha da Madeira, representada pela Casa do Povo de Curral das Freiras, que vem apresentar as suas especialidades, como o Bolo de Mel, Bolo de Castanha, Broas, Bonecos de Massa, Doces de Castanha e Ginja e Pataniscas de Castanha.

Se quer saber tudo sobre o programa da XVII Mostra Internacional de Doces e Licores Conventuais, clique aqui

Venda de Bilhetes

1 dia |1€ (maiores 12 anos)

4 dias |  2,5€ (pulseira livre trânsito).

Horários da XVII Mostra Internacional de Doces & Licores Conventuais 

19 Novembro | das 14h00 às 23h00
20 Novembro | das 10h30 às 23h00
21 Novembro | das 10h30 às 23h00
22 Novembro | das 10h30 às 20h00

Horários de projeção do video mapping “A Luz do Amor”
Quinta-Feira,19 Novembro | 20h00, 21h00, 22h00 e 23h15
Sexta-Feira, 20 Novembro | 20h00, 21h00, 22h00 e 23h15
Sábado, 21 Novembro | 20h00, 21h00, 22h00 e 23h15

Luz do Amor-OCUBO-alt       DocesConventuaisAlcobaça-alt